© 2017 by GanjaTalks

  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Dave Coutinho e Celso Junior da revista eletrônica “Smoke Buddies” falam sobre a difusão de informação sobre a Maconha

05/10/2016

Dave Coutinho e Celso Junior da revista eletrônica “Smoke Buddies” falam sobre a difusão de informação sobre a Maconha

 

No espaço Hilo Coworking, uma das palestras que estrearam o Ganja Talks Fest foi a da dupla representante de uma das primeiras revistas sobre a cultura canábica no Brasil. A ideia do site veio de um anseio de suprir a carência de informação dos brasileiros em relação ao cultivo e fumo da planta.

 

Tudo começou em 2011, quando foi criado um grupo secreto no Facebook com o objetivo de cada um compartilhar uma foto do momento de lazer fumando um baseado. Esse inocente grupo reuniu milhares de pessoas e se tornou também um lugar de compartilhamento de informações dessa cultura. A partir daí, Dave e Celso tiveram o anseio que as notícias de qualidade fossem compartilhadas também fora daquele grupo.

 

Eles perceberam que as pessoas que fumavam absorviam pouca informação sobre o consumo da maconha: quais os benefícios e malefícios do ato, como se precaver da lei etc. Além disso, as pessoas com viés político mais conservador, fortes críticos, eram os que menos obtinham informação, pois aquilo que absorviam era quase que uma desinformação, em que o maconheiro era visto como criminoso.

Foi assim que começou todo o projeto. Foi criada uma Fan Page com referência de sites gringos, pois ainda não havia, no Brasil, nenhum estudo científico sobre a planta. Dave Coutinho acredita que a luta canábica e a mídia ativista foi bastante influenciada pelo pioneirismo da Smoke Buddies, que hoje tem mais de 300 mil visualizações mensais.

 

A revista eletrônica tem formato jornalístico, escolha intencional para proporcionar mais credibilidade às informações, de modo a atingir todos, inclusive os leitores da mídia tradicional. O objetivo é fornecer argumentos para a luta a favor da legalização e conscientização.

Os palestrantes falaram bastante como a visão sobre o maconheiro vem mudando: o que antes era um tabu, agora está na mídia e até na discussão de almoço. Para Celso, os depoimentos no Senado de mães que trataram seus filhos que sofriam ataques epiléticos com CBD, por exemplo, foi um “divisor de águas” na luta. O que facilitou, também, foi o acordo no STF que permitiu a crítica da lei de drogas e a proposição de uma nova (deixando ainda na ilegalidade a apologia).

No entanto, a abordagem policial continua violenta em muitos lugares. Como disse um dos participantes da discussão, “da ponte pra lá é outro casamento”. Dave, ao comentar a fala do convidado, disse que “a proibição é um remédio que mata”. Até hoje, eles recebem no site perguntas muito banais, o que mostra que a luta a favor da legalização e regulação ainda tem muito trabalho pela frente. Poucos sabem que não se pode falar de uso compartilhado quando há abordagem policial, ou que se pode doar sangue após 12 horas de ter fumado.

 

O Smoke Buddies tem a preocupação de criar a imagem do “maconheiro sangue bom”, com a divulgação de campanhas que ajudem os moradores de rua, que mais sofrem com a proibição das drogas. Em termos de planos futuros, a revista pretende continuar propagando informações, apoiar campanhas, debates e incentivar o mercado. Como disse um dos palestrantes, “vamos queimar tudo até a última ponta, inclusive o preconceito da galera”!

 

O Ganja Talks aconteceu com a ajuda de 30 voluntários no dia 30 de abril, na Vila Madalena, em São Paulo. Além de terem ajudado a realizar o evento, alguns voluntário acabaram transformando a experiência em conteúdo e nós vamos compartilhar aqui no Ganja Talks. A primeira matéria é da Sophia Noronha que conta como foi o papo com o Dave Coutinho e Celso Junior da revista eletrônica Smoke Buddies.

 

Texto de Sophia Noronha, Foto Daniel Dantas

Please reload

gt-banner-quadrado-volta-ao-mundo.gif

destaques

Please reload

nas redes sociais

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

INSTAGRAM