© 2017 by GanjaTalks

  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Christiania: entre a liberdade e a lei

10/08/2016

 

 

A Dinamarca é um dos países nórdicos com leis restritivas em relação à cannabis. Por lá, a posse da erva pode dar até dois anos de cadeia, embora o uso de substâncias psicoativas não seja criminalizado de forma sistemática. Além disso, o governo não diferencia as drogas, colocando todas em igual patamar, o que diferencia-se nos casos é o potencial de dano que a droga pode causar ao usuário ou a terceiros, o que acaba por suavizar as ofensas penais por uso de cannabis.

 

Apesar desse panorama relativamente proibicionista quanto ao uso de drogas, o governo dinamarquês não emprega muito esforço no estudo e na regulação dessas substâncias. Porém, na capital dinamarquesa, Kopenhagen, existe uma comunidade autônoma, chamada de Cidade Livre de Christiania, ou Freetwon Christiania, onde a lei funciona de maneira um pouco diferente.

 

Criada em 1971, a comunidade é autogestionada, com cerca de 850 habitantes, e é conhecida pelo comércio interno de cannabis, proibido em todo o território dinamarquês. A atividade comercial foi tolerada pelas autoridades dinamarquesas até o ano de 2004. Desde então, existem conflitos entre os governos das duas partes sobre a normalização de tais leis. 

 

Outra parte complicada é que Christiania fica em uma antiga área militar, o que acaba causando disputas com as forças armadas do país, que volta e meia reclamam construções e áreas de interesse militar.Mais do que um local onde a cannabis é tolerada, Christiania carrega uma história de luta pela democracia e direitos de cidadania.

 

A época mais crítica da comunidade foi no ano de 2011, quando chegou a ser desabitada em meio à negociações sobre seu futuro. Atualmente, a comunidade funciona mediante um programa de desenvolvimento que foi considerado pioneiro em gestão política e social, porém, no último mês de setembro, as barracas da Pusher Street, onde ocorre o famoso comércio canábico, tiveram de ser desmontadas devido à uma decisão dos habitantes após um tiroteio envolvendo policiais dinamarqueses e um traficante. 

 

Fontes: https://www.thelocal.dk/20160902/christiania-residents-to-shut-down-pusher-street

https://sensiseeds.com/en/blog/legal-status-cannabis-denmark-overview/

 

 

Please reload

gt-banner-quadrado-volta-ao-mundo.gif

destaques

Please reload

nas redes sociais

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

INSTAGRAM