© 2017 by GanjaTalks

  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Crime organizado no Canadá troca cannabis por outras drogas

02/04/2017

 

O governo federal do Canadá apresentou recentemente um estudo sobre o envolvimento de gangues e grupos organizados criminosos com tráfico de drogas, e chegaram a conclusões, no mínimo, surpreendentes: gangues estão se envolvendo menos com tráfico de maconha em detrimento de atividades ilícitas com cocaína, metanfetamina e heroína.

 

O estudo foi conduzido em quatro cidades de três províncias diferentes, e a partir de dados coletados sobre operações policiais nas quais houve detenção, mostraram que quando se trata de cannabis, os grupos criminosos estavam envolvidos em 39% dos casos de tráfico e apenas 6% em casos de apreensão de operações ilegais de cultivo. 

 

Em contrapartida, quando se trata de cocaína, 62% dos casos envolviam gangues, heroína, 75% dos casos, e metanfetamina, 60% dos casos tinham relação com crime organizado, mostrando que os novos aspectos sociais em relação à cannabis estão fazendo com que os grupos criminosos recorram a outras drogas como principal fonte de renda.

 

Outro impasse que é comum no país norte-americano é a situação legal de dispensários, que apesar de não pertencerem a grupos organizados, também não estão em total acordo com a lei, que ainda prevê a cannabis como uma substância ilegal. O membro do parlamento, representante do partido liberal canadense Nate Erskine-Smith afirma que "é preciso um ambiente regulado entorno da cannabis pois existem dispensários que são voltados à redução de danos e cuidados medicinais de pacientes, porém, existem outros que visam somente o lucro, e que podem ter como fornecedores esses grupos criminosos".

 

É interessante observar que mesmo antes de uma legalização plena, a atividade comercial entorno da cannabis mudou de cenário, deixando de ser controlada por grupos criminosos para o controle de empresários e cidadãos comuns. Estima-se que o governo de Justin Trudeau aprove a regulamentação da cannabis ainda no primeiro semestre deste ano.

 

Fontes: http://www.theglobeandmail.com/news/british-columbia/gangs-less-involved-in-cannabis-compared-with-other-drugs-report/article33712001/

http://herb.co/2017/01/30/gangs-care-less-cannabis/

Imagens: marijuana.com; straight.com; cbc.ca

Please reload

gt-banner-quadrado-volta-ao-mundo.gif

destaques

Please reload

nas redes sociais

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

INSTAGRAM