© 2017 by GanjaTalks

  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Cannabis pode aliviar dor crônica em idosos

02/16/2018

Um estudo israelense publicado no The European Journal of Internal Medicine mostra que terapias com cannabis medicinal podem reduzir significativamente a dor crônica em pacientes idosos, sem efeitos adversos importantes. Pesquisadores da Universidade Ben-Gurion do Negev (BGU) e do Instituto de Pesquisa Clínica de Cannabis no Soroka University Medical Center descobriram que o uso de cannabis é seguro e eficaz no tratamento de pacientes acima de 65 anos que buscam alívio de sintomas de câncer, doença de Parkinson, doença de Crohn, esclerose múltipla, entre outros.

 

"Enquanto os pacientes idosos representam uma grande e crescente população de usuários de cannabis medicinal, poucos estudos abordaram como ela afeta esse grupo particular, que também sofre de demência, quedas frequentes, problemas de mobilidade e deficiências auditivas e visuais", diz Victor Novack, professor de medicina na Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade Ben-Gurion do Negev à frente do estudo.

 

Pesquisas recentes nos Estados Unidos sugerem que os idosos americanos representam 14% da população total e usam mais de 30% de todos os medicamentos prescritos, incluindo analgésicos altamente aditivos. Para o estudo, os pacientes com 65 anos ou mais receberam o medicamento canábico da empresa "Tikun Olam", maior fornecedora israelense de cannabis medicinal. Após seis meses de tratamento, mais de 93% dos 901 participantes relataram que sua dor caiu pela metade - em uma escala de dez pontos, a média caiu de 8 para 4 no período. Além disso, mais de 70% dos pacientes entrevistados relataram melhora moderada a significativa em sua condição.

 

Depois do tratamento, mais de 18% dos idosos que participaram do estudo pararam de usar analgésicos opióides ou reduziram a dosagem. Os efeitos adversos mais comumente reportados da cannabis foram tonturas (9,7%) e boca seca (7,1%). De acordo com os pesquisadores, a cannabis pode diminuir a dependência de medicamentos prescritos, incluindo opióides, mas eles dizem que é necessário mais dados baseados em evidências dessa população específica de idosos.

 

Saiba mais em:

The European Journal of Internal Medicine

American Associates, Ben-Gurion University of the Negev.

 

Please reload

gt-banner-quadrado-volta-ao-mundo.gif

destaques

Please reload

nas redes sociais

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

INSTAGRAM