© 2017 by GanjaTalks

  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Cinco dicas para aprimorar a arte de bolar

02/19/2018

 

Já é (quase) unânime que, para quem ama a cannabis, o processo de bolar é mais que uma obrigação - é um ritual importante, que envolve destreza, técnica e habilidade, digno de mérito. Afinal, um cigarro mal feito pode, sim, atrapalhar a experiência. Pensando nisso, reunimos dicas para quem quer se tornar mestre na arte de apertar o baseado  - ou para quem nem sabe por onde começar. 

 

1. Não subestime a piteira

 

Além de facilitar o trago, evitar queimaduras (ou aquela sensação de saliva compartilhada) e permitir que você aproveite mais o seu cigarro, as piteiras ajudam no processo de enrolar a seda, porque dão a base cilíndrica para o baseado. Existem piteiras de vários tipos, desde as de vidro de Murano, reutilizáveis, às de papel. Neste caso, o truque da sanfona para montá-las é interessante. 

 

2. Prepare o fumo

 

 

 

Sabe aquele pedacinho de bud pontudo que insiste em furar a seda e estragar todo o trabalho? Bem, ele provavelmente é fruto da displicência na hora de dechavar ou de preparar o fumo na seda, antes de começar a bolar. O planejamento é importante nessa etapa - definir o tipo de baseado é a primeira etapa. 

 

3. A escolha da seda

 

 

 

A seda tem tudo a ver com o sucesso do seu cigarro. Dê preferência às feitas de cânhamo, que são resistentes, queimam de maneira lenta e uniforme. Se não, ao menos busque no mercado as que não possuem alvejantes e outras toxinas que oferecem riscos aliados a seu consumo. 

 

4. Pressa é inimiga

 

 

 

Enquanto você não conseguir sentir nas mãos que seu baseado tem a forma que você pretende dar a ele, não adianta passar a goma. Sim, o processo de ajustar o fumo na seda pode ser demorado, requer paciência e as mãos firmes. A dica de ouro é deixar sempre um apoio embaixo das mãos. Assim, se por algum motivo você se atrapalhar, não perde seu fumo. 

 

5. Aquela amassadinha

 

  

Um truque que pode parecer tosco, mas se mostra eficiente. Dar uma amassada na seda, de leve, antes de colocar o fumo, permite mais maleabilidade do papel no momento de apertar o cigarro - além de evitar que o fumo escape pela seda lisa durante o ritual. 

Please reload

gt-banner-quadrado-volta-ao-mundo.gif

destaques

Please reload

nas redes sociais

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

INSTAGRAM