© 2017 by GanjaTalks

  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Três dicas simples de redução de danos para baseados

01/27/2019

 

Redução de danos é um termo comum no vocabulário de entusiastas da cannabis. Isso porque, muito embora não há registros de casos de morte diretamente relacionada ao uso de maconha no mundo, algumas medidas preventivas podem ser tomadas com o objetivo de diminuir os riscos do consumo da cannabis à saúde, sobretudo quando se trata do popular baseado. Com atitudes simples, que podem ser colocadas em prática sem muito esforço, consumidores de cannabis se protegem de possíveis danos no futuro. Veja como: 

 

Piteira, sempre

 

As piteiras não existem apenas para deixar o cigarro mais bonito, mas para impedir o contato dos lábios com a brasa, evitando uma possível queimadura, e para ajudar a resfriar a fumaça inalada que vai para os pulmões. Por isso, quanto maior a piteira, melhor para reduzir tais danos. 

 

Puxa, (não!) prende e passa 

 

Prender a fumaça da cannabis nos pulmões é um equívoco que muitos cometem por pura falta de informação - o mito de que "segurar o pega dá mais brisa", além de inverdade, é prejudicial, já que com essa prática você apenas deixa o pulmão exposto por mais tempo às toxinas da fumaça. 

 

Seda x blunt

 

Com o sabor e a experiência de queima como diferenciais, os blunts, papéis de enrolar feitos de folha de tabaco, têm, por outro lado, tabaco (claro) e traços de nicotina em sua composição. Dessa forma, as sedas de papel vegetal, algumas feitas em cânhamo, podem ser mais interessantes.  

 

Saiba mais em: 

Merry Jane

Norml

 

 

 

Please reload

gt-banner-quadrado-volta-ao-mundo.gif

destaques

Please reload

nas redes sociais

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon

INSTAGRAM